Sábado, 23 de Dezembro de 2006
Pois que seja NATAL

É tradicional, nesta altura desejar Bom Natal, Boas Festas, clamar por Paz, Saúde e outras coisas! Bom, também o faço, quer para manter a tradição e, também porque, muito sinceramente o desejo a toda a gente, indiscriminadamente . Porque viver é um direito, que só nos abandona, quando perdemos o direito ..."de por cá andarmos", enquanto outros direitos, tidos e proclamados como adquiridos, só o são quando a outros convém, nem que seja para reclamar o direito de proclamar o direito de tirar direitos, julgados adquiridos. Bom, mas também não será tema para tempo de Natal, em nome da PAZ e outras coisas.

É interessante ver o semblante das pessoas que tradicionalmente se deslocam para junto das suas famílias, para festejar o Natal. Não é o mesmo que apresentam quando o fazem, por altura do verão, então mais extrovertidos, mais folgazões, até com um ar gingão . Não, nesta altura vêm mais comedido, mais discretos, mais socialmente saudáveis. Talvez porque o frio os amacia, ou porque o ambiente de convívio é mais dirigido para a família, à volta das chamas da lareira e tagarelando sobre os problemas locais e, entretanto entre mais um copo e uma rabanada, já a madrugada vai alta e são horas de ir à missa, para ver, ser visto e porque não, agradecer a Deus mais um Natal. Há como que um regressar às raízes, às tradições, usos e costumes, ao carinho familiar. O ar folgazão apresentado no verão, muda para um ar mais doce e feliz.

É Natal. Pois que seja e por muitos anos e, como seria belo, se todos os dias fossem de Natal, para toda a gente, não como direito adquirido, mas como direito próprio de ser humano, que um outro qualquer humano não pudesse retirar.

Que seja Natal para todos e por muitos e longos anos.



publicado por oserrano às 18:48
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28


posts recentes

...

A Serra da Azinheira

Muito sofre quem é pobre

Cães de raça Portugueses ...

...

Quo Vadis, meu País!

É bom sermos quem somos.

Hipocrisia sem Fronteiras

Pois que seja NATAL

Carro da marca OPEL...NÃO...

arquivos

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds